Início > Dicas de Beleza, Instituto Embelleze > Cuidados intensivos além das unhas

Cuidados intensivos além das unhas

Unhas ilustrativa

Unhas ilustrativa

Atualmente, as mulheres buscam no salão muito mais que unhas bem feitas. Os cuidados com as mãos estão cada vez mais em evidência e é importante que o profissional saiba como identificar possíveis problemas e ofereça serviços que vão além do trato com as cutículas.

 No dorso da mão, a pele é fina e delicada com pouca quantidade de glândulas sebáceas, deixando – as sensíveis à desidratação. Para identificar possíveis problemas, a manicure deve fazer uma análise visual por meio do toque. Na identificação de vermelhidão, perda de brilho e sensação de repuxamento a profissional deve proceder com massagens e boa hidratação além de orientar a cliente a alguns hábitos. “É importante instruir as clientes a beber mais água, usar luvas ao manusear produtos químicos e utilizar produtos hipoalérgicos”, orienta Marcionila Silva Galvão – instrutora do curso de manicure do Instituto Embelleze de Porto Velho.

 New care

Além desses problemas, a pele ainda pode ficar seca e favorecer o aparecimento de irritações e infecções por fungos e bactérias, deixando a mão com aparência de envelhecida e doente. Para evitar esse mal, os salões e as profissionais do setor devem oferecer alternativas em tratamentos para os seus clientes. Confira alguns que já estão presentes e fazem sucessos nos institutos de beleza:

 Spa das mãos: Tratamento que combate a aspereza e mantém a hidratação natural de mãos e pés.

 Tratamento à base de parafina quente: Com este procedimento, é possível tratar o ressecamento da região. O ideal é oferecer pacotes em torno de dez sessões de 1 vez por semana.

 Massagens com óleos aromáticos: Para finalizações de relaxamento, este processo gera a regeneração cutânea, hidrata e nutre profundamente os tecidos.

 Dica de especialista

Para poder diagnosticar e tratar defeitos nas mãos e unhas, o profissional deve incluir ao currículo os cursos de especialização. “Entre eles estão os estudos das doenças, técnicas de massagens e embelezamento”, indica Marcionila. Ainda sim, nos casos de sensibilidades e anomalias permanentes é imprescindível que a manicure avalie a situação e oriente a cliente a ir ao dermatologista.

Fonte: Site Beauty Fair http://beautyfair.com.br/manicure/noticia/1903.html – por Indira Lopes em 27/02/2012

  1. março 25, 2012 às 5:57 pm

    Como faço para me escrever nos cursos profissionalizantes de manicure e pedicure da embelleze?
    E onde poço fazer os cursos? E quando posso começar?

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: